Pilates original não é uma atividade para emagrecimento




 



Nos dias de hoje, é do conhecimento de todos que a prática de ao menos uma atividade física é fundamental para garantir mais saúde e qualidade de vida.


A orientação dos médicos e demais profissionais da área da saúde é que a pessoa sempre escolha praticar uma atividade que lhe proporcione prazer e que, paralelamente, atenda a seus objetivos.


Boas opções de atividades físicas que proporcionam prazer e melhoram a qualidade de vida de seus praticantes não faltam! Dentre elas, o Pilates tem se destacado por ser um método que pode ser praticado por todo tipo de pessoa e por oferecer inúmeros benefícios aos seus praticantes.


Pilates é um método que foi criado pelo alemão Joseph Hubertus Pilates, em 1918, durante a primeira guerra mundial, para reabilitação física e mental dos soldados. Seus exercícios são baseados em fortalecimento muscular com alongamento, tendo como objetivo o desenvolvimento uniforme do corpo, melhora da saúde mental e também ajuda nas atividades físicas diárias.

Com a prática do Pilates, o corpo se torna mais firme e flexível. A pessoa tem mais facilidade de se movimentar e fazer tarefas diárias e de se proteger contra lesões. O método trabalha ainda a consciência corporal e a mente, proporcionando mais autoconfiança e coragem, alivia dores nas costas e em outras articulações. Além disso, o corpo ganha força sem se tornar volumoso, corrige a coordenação, a postura e o equilíbrio, garante uma boa noite de sono e aumenta o prazer por estimular (através da contração dos músculos) a região do períneo


Não há contraindicações e todos podem praticar a atividade: "crianças, gestantes – antes e depois do parto -, idosos, adolescentes, pessoas com excesso de peso, pessoas que sofrem de estresse, dores nas costas e em outras articulações, ou com fibromialgia, pessoas que desejam prevenir a osteoporose, atletas, e outros.


É comum que as pessoas, assim que iniciam uma atividade, logo questionem se vão também emagrecer. Neste sentido, a maioria das pessoas que conhecem ou já ouviram falar do método já se perguntou, ao menos uma vez, se o Pilates, além de todos esses benefícios que oferece, também auxilia no processo de emagrecimento.


Porém, o foco do Pilates não é o emagrecimento porque  não é possível fazer um trabalho aeróbio se for seguido o método original. Porém, como toda atividade física, ele gera um gasto calórico e, de acordo com o condicionamento físico do aluno e do nível de consciência corporal, é possível, sim, dar uma aula mais intensa. Com isso, o gasto calórico também aumenta, o que auxilia na perda de peso.


O Pilates tem muitos benefícios, sem duvida. E sabendo esses benefícios, fica mais fácil decidir se esta é mesmo a atividade mais apropriada para o seu estilo de vida e também a mais indica para alcançar os seus objetivos.

 




Comente: